Forex Formação e Mentoria - O que é o Forex?

Atualizado: 26 de Fev de 2020

  1. O que é o Forex? Forex é o acrónimo de “foreign exchange market”, também conhecido como Mercado Cambial em português. O Forex é o espaço financeiro com maior dimensão e liquidez do mundo, contando com mais de 7 bilhões de dólares diários em movimentos comerciais. A magnitude do mercado cambial é tão grande que o volume de transações da Bolsa de Nova Iorque não chega nem a um 2% das que se realizam no Forex. Abra uma Conta Real

Pares de divisas e taxa de cambio No Forex opera-se com pares de divisas (criptomoedas e mais). Analisando a taxa de cambio EUR/USD pode ver quantos USD (divisa cotada ou secundária) precisa para comprar 1 EUR (divisa base).Portanto, se a taxa de cambio do par de divisas EUR/USD é 1,2356, significa que por cada euro pode comprar 1,2356 dólares.Se a taxa de cambio aumenta, significa que a divisa base ganhou força relativamente à divisa secundária. Se, eventualmente, se registasse uma descida na taxa de cambio, significaria o contrário. Abra uma Conta Real

As características do mercado cambial ou Forex Liquidez: devido aos 7 bilhões de dólares movimentados diariamente, o mercado cambial é considerado o mercado com maior liquidez no mundo. Basicamente, isto significa que pode comprar qualquer divisa quando desejar, sempre e quando o mercado estiver aberto.


Dinâmico e descentralizado: O mercado cambial é um mercado dinâmico e descentralizado, isto é, qualquer trader pode investir desde qualquer ponto do mundo e, assim, incidir na tendência de cotação dum par.


Horário 24/5: Um factor-chave que caracteriza o trading em Forex são as horas em que opera; o mercado cambial está aberto 24 horas por dia, os cinco dias úteis por semana, tornando-o bastante atractivo a muitos traders. Quais os factores que afectam o mercado cambial? Devido às transacções em Forex serem imediatas, a cotação das divisas é afretada pela lei da oferta e demanda e, consequentemente, a especulação.Desta forma, a estabilidade e os eventos políticos e económicos, bem como a política monetária dos países, são alguns dos elementos que caracterizam as cotações.


Ações de agentes económicos privados e públicos. Os órgãos financeiros, governos e bancos centrais de cada país podem afectar directamente a cotação de uma moeda com determinadas medidas e anúncios económicos. Por exemplo, uma subida nas taxas de juro na Fed (Reserva Federal Norte-americana) faria com que o valor da divisa estadunidense aumentasse.


Eventos políticos, sociais e económicos. Se os intervenientes no Forex acreditam que, um determinado evento social, político, económico ou natural pode influenciar um fortalecimento ou descida de uma divisa, alterarão o preço de mercado com as suas operações, segundo a alteração da oferta e demanda da divisa relevante. Quanto mais pessoas acreditarem que é seguida uma tendência constante, maior efeito terá sobre os preços de mercado, já que reflectirão o sentimento do mercado. Grandes acontecimentos recentes como o Brexit ou as eleições dos EEUU incidiram directa e imediatamente no valor de divisas.


Relatórios de organismos económicos e sociais. A análise à dívida com o FMI, os grandes empréstimos da UE ou a saúde da indústria de um determinado país (sobretudo as grandes potências), assim como os dados sobre o desemprego e a inflação, oferecem sempre uma visão mais translúcida do que poderá chegar a ocorrer nos mercados e na economia, por isto, também tem um peso bastante acentuado sob as cotações do Forex. Abra uma Conta Real


Que faço quando opero no Forex? O Forex trading implica sempre operar com um par de divisas. Por exemplo, se por algum motivo acredita que a libra esterlina (GBP) vai valorizar comparativamente ao dólar, deverá comprar o par de divisas GBP/USD.Se, pelo contrário, a expectativa é que sofra uma desvalorização, ou seja, o dólar fortalecer-se, terá que vender o par de divisas que tem em sua posse.O primeiro caso é conhecido como posição de compra, que significa que o operador quer comprar a divisa base (GBP) e vender a divisa secundária. No segundo, o operador abriria uma posição de venda para vender a libra esterlina (GBP), a divisa base.


Aprenda a operar Forex com a Traders Division Club e Abra uma conta real


21 visualizações0 comentário